CuritibaFun
Memória afetiva: restaurante Feu Fogo e Alma de Curitiba tem cardápio inteiro feito no fogão à lenha

Memória afetiva: restaurante Feu Fogo e Alma de Curitiba tem cardápio inteiro feito no fogão à lenha

Memória afetiva: restaurante Feu Fogo e Alma de Curitiba tem cardápio inteiro feito no fogão à lenha
Forno à lenha, integralmente de ferro fundido, funciona diariamente a 350ºC. (Foto: Divulgação/Feu Fogo e Alma)

É inquestionável que a comida feita diretamente no fogo ou no fogão à lenha tem um sabor diferenciado. E esta é a essência do restaurante Feu Fogo e Alma, em Curitiba. Ele une a alta gastronomia com a finalização dos pratos em um forno a lenha, desenvolvido exclusivamente para o local sob o acompanhamento dos proprietários e chef de cozinha, com o intuito de aguçar a cor, o sabor e o cheiro dos clientes.

Foi um investimento importante para garantirmos ao cliente uma experiência difícil de esquecer. Os pratos preparados no fogo apresentam mais energia. As pessoas sentem esse ar de cozinha afetiva, remetendo ao passado e às tradições dos avós, da família”, analisa o chef Adriano Quaranta, um dos sócios do Feu, que em francês (pronuncia-se “fô”), significa “fogo”.

No local os clientes podem acompanhar todo o preparo do prato na lenha, enquanto apreciam um uma vasta opções de drinks, dos originais aos autorais.

O cardápio reúne desde carnes vermelhas a frutos do mar. Entre as entradas mais pedidas estão o ceviche de atum e a burrata ao pizzaiolo quente, prato que acompanha o chef há muito tempo. E foi com o mesmo molho vermelho da burrata que Quaranta criou as tapas de polvo, que caiu no gosto do paladar curitibano.

Memória afetiva: restaurante Feu Fogo e Alma de Curitiba tem cardápio inteiro feito no fogão à lenha

E há uma variedade enorme de pratos principais. A lasanha de matambre e o siri gratinado servido na panelinha (não é só um siri, é uma porção) com uma camada crocante por cima são extremamente saborosos. O espeto de camarão com bacon e a picanha assada na parrilla, finalizada no forno à lenha, também fazem um enorme sucesso. Entre os acompanhamentos, o arroz de forno da mama, gratinado no forno à lenha, é imperdível.

Até mesmo as sobremesas do Feu são finalizadas no fogo. A mais pedida é a torta fria, dois chocolates, com praliné de avelãs e mel tostado no forno à lenha e sorvete de chocolate branco. Mas também tem a torta de queijo e a verrine de torta de limão.

Apesar das criações imperdíveis do chef Adriano Quaranta, o Feu tem o mote “não é complicado”, mostrando que a alta gastronomia também pode ser simples e feita com a alma.

Memória afetiva: restaurante Feu Fogo e Alma de Curitiba tem cardápio inteiro feito no fogão à lenha

Diferencial

O forno do FEU é exclusivo, feito inteiramente em ferro fundido e trabalha diariamente a 350ºC. “Não existe no mundo nenhum forno igual a este”, afirma o Chef.

Ele explica que a parte do meio, onde está a porta com o nome ‘Feu’, é o queimador, onde entra a lenha. A brasa cai para baixo das pedras das outras duas bocas laterais e esquenta as pedras.

A gente trabalha de costa, a 50 centímetros dele todo dia. É muito quente”, conta o chef, que ainda revela mais detalhes da sua principal ferramenta de trabalho. “Além dos pratos que a gente faz, que são finalizados no forno, é possível fazer pizza e focaccia também. “Todas as receitas do Feu, no mínimo uma etapa é feita no fogo”, explicou o chef.

Memória afetiva: restaurante Feu Fogo e Alma de Curitiba tem cardápio inteiro feito no fogão à lenha
O chef Adriano Quaranta foi quem desenhou e idealizou todo o projeto do forno e do cardápio do Feu, que tem seus pratos integralmente feitos ou finalizados no forno à lenha. (Foto: Divulgação/Feu)

Serviço

  • O Feu abre de terça a domingo e tem ações e promoções todos os dias: Terça – Festival da Parrilha – com double de cerveja Baden Baden Quarta Wine Jazz – com música ao vivo e rolha livre
  • Quinta El Fuego + Campari Nights – com especial de música latina e double de drinks de campari até 20h
  • Sexta Blues, R&B e Soul – double de chopp e cerveja Baden Baden até 20h
  • Sábado Sunset – A partir das 19h com música ao vivo
  • Domingo Almoço em família – das 12h às 17h
  • Mais sobre o Feu Fogo e Alma
  • O restaurante abre de terça à sexta, das 19h à 0h, no sábado das 18h à 0h (bar até 1h) e no domingo das 12h às 17h. O Feu fica na Rua Itupava, 1377, no Alto da XV. Siga o Feu no Instagram: @feufogoealma.
  • Conheça o cardápio: https://drive.google.com/file/d/1PDFyRkXzXfOI9BtuVhND637Jr5CLdkVl/view)
Memória afetiva: restaurante Feu Fogo e Alma de Curitiba tem cardápio inteiro feito no fogão à lenha
Memória afetiva: restaurante Feu Fogo e Alma de Curitiba tem cardápio inteiro feito no fogão à lenha
Memória afetiva: restaurante Feu Fogo e Alma de Curitiba tem cardápio inteiro feito no fogão à lenha

Next Post

Últimos dias para se inscrever no Vestibular de Inverno PUCPR

qui maio 9 , 2024
A Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR) está com as inscrições abertas para o Vestibular de Inverno, que permite o ingresso de estudantes no segundo semestre de 2024. São mais […]
Últimos dias para se inscrever no Vestibular de Inverno PUCPR